Adivinhas para puxar pela imaginação

por Catarina Araújo

Nas regulares trocas de correspondência com os meus avós, a minha avó encarregava-se de me contar sobre o seu o dia-a-dia em Moura e de me perguntar se eu comia bem, se fazia os trabalhos de casa, se obedecia aos meus pais, enquanto o meu avô, sempre mais sintético nas suas mensagens, me remetia uma adivinha, à qual devia enviar a resposta na carta seguinte. Tenho cartas e cartas com adivinhas, umas fáceis, outras de dificuldade média e outras que nunca fui capaz de solucionar.

setecoisas

A Planeta acaba de editar um livro que reúne destravalínguas e adivinhas para exercitar os neurónios de pequenos e graúdos, intitulado Sete Coisas Que Eu Cá Sei, de Vergílio Alberto Vieira, com ilustrações de Maria João Lopes. O lançamento está marcado para 11 de setembro, às 18h, na Biblioteca Municipal Almeida Garrett, no Porto. Mais informações aqui.

Fica a sugestão para os leitores da Cidade Invicta.

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s