Aquilo que deve saber para escrever um bom livro infantil

Child_reading_at_Brookline_Booksmith

No seu blogue, O Jardim Assombrado, Carla Maia de Almeida deixou uma síntese daquilo que a seu ver faz um bom livro infantil e que pode servir de guia para todos aqueles que aspiram a escrever uma história para crianças. Não é tão simples como parece e aqui fica o porquê:

«– Tem uma boa ideia e um conceito global forte;
– Tem uma linguagem verbal cuidada, estimulante e adequada ao destinatário infantil, abrindo para o literário, com possibilidades plurisignificativas, múltiplas, com um carácter aberto;
– Tem ritmo e musicalidade na leitura em voz alta;
– Tem ilustrações criativas e adequadas ao texto, acrescentando-lhe significado. Põe cuidado no design gráfico, formato e edição;
– Tem valores humanistas e intemporais. Está em sintonia com o seu tempo. É progressista, muitas vezes;
– Tem uma marca autoral forte;
– Tem emoções associadas à infância e significativas para a criança (humor, gozo, fantasia, devaneio, justiça. segurança…);
– Tem pensamento. Questiona. Permite reflectir.»

Quem estiver interessado em saber mais, poderá experimentar frequentar o curso de Livro Infantil ministrado pela jornalista na Booktailors. Inscrições aqui.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s