As escolhas de Natal de… Cristina Dionísio

Aqui fica mais uma lista de recomendações de presentes para o Natal, desta vez para os leitores juvenis. As escolhas são de Cristina Dionísio.

GeorgeBigBang

George e o Big Bang, de Stephen Hawking e Lucy Hawking, Editorial Presença

Viaja pelo universo com George e descobre… Como conduzir um veículo lunar; O que fazer quando viajas até Andrómeda; E o que aconteceu meras frações de segundo após o Big Bang. Uma aventura trepidante, recheada de factos reais sobre o espaço e o cosmos, de Lucy Hawking e Stephen Hawking, génio da ciência intergaláctica!

Depois de A Chave Secreta para o Universo e Caça ao Tesouro no Espaço, Stephen Hawking, o mais importante físico da actualidade, em parceria com a sua filha Lucy, leva os pequenos leitores numa viagem através do Big Bang. Intercalando as aventuras de George e do seu porquinho, encontramos também ensaios científicos adaptados para uma linguagem acessível aos pequenos leitores curiosos. Contém ainda mais de 30 imagens a cores do espaço e do sistema solar.

 

Alice

As Aventuras de Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll, Robert Dunn (ilus.), Girassol

Esta edição do clássico de Lewis Carroll, que dispensa apresentações, conta com belíssimas ilustrações a cores da autoria de Robert Dunn.

 

oliver

Oliver e as Perucas do Mar, de Philip Reeve, Sarah McIntyre (ilust.), Zero a Oito

Os pais de Oliver desaparecem e, para os encontrar, o rapaz parte numa viagem cheia de emoção, acompanhado pelos seus novos amigos: um velho albatroz e uma sereia um bocadinho míope — ok, bastante míope. Se a isto juntarmos uma ilha amistosa, então a aventura é certa.

Com divertidas ilustrações de Sarah McIntyre, Oliver e as Perucas do Mar fará garantidamente as delícias de jovens aventureiros.

 

DesastresSofia

Os Desastres de Sofia, de Condessa de Ségur, Oficina do Livro

A Sofia acha que a sua boneca de cera está pálida e com frio. Por isso, põe-na ao sol e… ela derrete-se. Sofia chora, mas nem tudo está perdido porque ela se lembra de convidar as amigas para o divertido enterro da boneca! A Sofia quer brincar com os seus peixes vermelhos e… acaba por deixá-los morrer! E quando tenta ser uma menina bonita, faz um chá para os seus primos… com giz e água do cão. Fica de castigo! Mas a mãe tem razão: ela é uma menina boazinha, tudo isto não passa de uma série de peripécias que mais não são do que Os Desastres de Sofia.

Escrito no século XIX, este é um clássico da literatura infanto-juvenil que tem marcado sucessivas gerações. Todos nós crescemos com as histórias deliciosas da Condessa de Ségur, sendo esta a mais marcante de todas. Mais do que uma leitura para crianças traquinas e adolescentes, esta é também uma oportunidade de os pais se reencontrarem com uma parte da sua infância.

 

Capa As Miúdas de Gallagher

Se disser que te amo, vou ter de te matar (As miúdas de gallagher #1), de Ally Carter, Booksmile

«O Colégio Gallagher (para Raparigas Excecionais) parece, à primeira vista, uma escola típica, onde as adolescentes se  preocupam em combinar a cor da mala com o top que vão usar, e suspiram quando um professor giro lhes sorri. Isso até é verdade, mas o que o comum dos mortais desconhece é que nas suas malas levam câmaras ocultas e o tal professor giro dá aulas de Preparação para Missões Secretas. O Colégio garante que forma os maiores génios do país, mas na realidade é a melhor e mais conceituada escola de espias e agentes secretas.
Cammie Morgan (ou Camaleão, como gostam de lhe chamar) é uma das miúdas de Gallagher. Passou para o segundo ano do curso e pode dizer-se que é uma ótima aluna: é fluente em catorze línguas e capaz de matar um inimigo de sete maneiras diferentes (uma das quais apenas com esparguete cru). Mas ela é também uma adolescente. E no momento em que conhece um rapaz da cidade, que nunca poderá saber quem ela é na realidade, percebe que há questões para as quais o Colégio não a preparou.  Cammie está prestes a enfrentar a missão mais perigosa de sempre: apaixonar-se! Será que está preparada?»

Nesta escola, as Miúdas de Gallagher, de Ally Carter, lidam com os problemas de todas as adolescentes, e que servem de base a muita da literatura juvenil vocacionada para as raparigas: necessidade de aceitação, afirmação na escola… e rapazes, claro. No entanto, esta é uma escola especial: uma escola para agentes secretas e espias, que eleva as peripécias a um outro nível e que é uma autêntica lufada de ar fresco no meio das muitas séries que têm por pano de fundo a vida escolar.

Advertisements

One thought on “As escolhas de Natal de… Cristina Dionísio

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s