Category Archives: CRISTINA DIONÍSIO

Livros para as Férias Grandes… por Cristina Dionísio

Além do protector solar e do chapéu, da toalha e da roupa de praia, mais os baldes e pás para brincar na areia e as braçadeiras, os livros são sempre presença obrigatória nas malas de férias. Seguem-se algumas sugestões que filhos e pais podem trocar entre si.

13315445_1045298312213693_3175157774240688951_n

A Praia de Noite, Elena Ferrante (Relógio d’Água)

«Entusiasmada com o seu gato branco e preto, Mati parece esquecer-se da sua boneca na praia.
É assim que Celina vai passar uma interminável noite sob as ameaças do Banheiro Cruel do Sol-Posto e do seu amigo Grande Ancinho.
À luz das chamas de um incêndio, a noite transforma-se numa aventura fantástica e terrível que só termina ao nascer do Sol.
A história é acompanhada pelas magníficas ilustrações a cores de Mara Cerri.»

Ideal para: iniciar os leitores mais pequenos na Ferrantemania que conquistou a crítica e o público em todo o mundo.

LC_AliceOutroLadoEspelho

Alice do Outro Lado do Espelho, Lewis Carroll (Edições Nelson de Matos)

«Alice do Outro Lado do Espelho continua as aventuras de Alice no País das Maravilhas e, como este, é um deslumbrante conto de fadas onde tudo se torna possível graças ao poder da imaginação, do absurdo, do nonsense, da aventura sem limites… A história percorre um país em forma de tabuleiro de xadrez onde é possível cruzarmo-nos com as mais mirabolantes personagens. Lewis Carroll junta ao texto versos que parodiam autores clássicos e que contagiam a sua escrita com estranheza e uma prodigiosa imaginação.»

Ideal para: ler (ou reler) antes de ir ao cinema ver o filme e porque Alice é uma presença obrigatória no imaginário infantil.

500_9789722127998_vamos_comprar_um_poeta

Vamos Comprar um Poeta, Afonso Cruz (Caminho)

«Numa sociedade imaginada, o materialismo controla todos os aspetos das vidas dos seus habitantes. Todas as pessoas têm números em vez de nomes, todos os alimentos são medidos com total exatidão e até os afetos são contabilizados ao grama. E, nesta sociedade, as famílias têm artistas em vez de animais de estimação. A protagonista desta história escolheu ter um poeta e um poeta não sai caro nem suja muito — como acontece com os pintores ou os escultores — mas pode transformar muita coisa. A vida desta menina nunca mais será igual…
Uma história sobre a importância da Poesia, da Criatividade e da Cultura nas nossas vidas, celebrando a beleza das ideias e das ações desinteressadas.»

Ideal para: qualquer leitor que aprecie uma história bem contada e que faça pensar, independentemente da idade.

978-972-25-3165-8_As Criancas de Cristal

As Crianças de Cristal, Kristina Ohlsson (Bertrand)

«Algo de estranho se esconde na nova casa de Billie… Billie tem um mau pressentimento em relação à nova casa, para onde se mudou com a mãe, logo que põe nela o pé pela primeira vez. É uma casa velha e delapidada, com a tinta das paredes a descascar, à noite ouvem-se ruídos estranhos e existem duas misteriosas figuras de cristal, um rapaz e uma rapariga. A mãe acha que ela está a inventar tudo, mas Billie tem a certeza de que a cidade está a esconder alguma coisa sobre a casa e o seu passado. Estará assombrada? E quem são as misteriosas crianças de cristal? Com a ajuda de Aladdin, o seu novo amigo, e de Simona, a velha amiga, Billie decide descobrir os mistérios que envolvem a casa…»

Ideal para: jovens aventureiros e corajosos que gostam de uns bons arrepios. Ah, e que não tenham medo de dormir com a luz apagada…

12919623_10208040231056763_4954283868950714126_n

Gregor — A Segunda Profecia, Suzanne Collins (Presença)

«Meses depois de ter caído pela conduta de ar, descobrindo os estranhos habitantes da Subterra, a vida de Gregor parece entrar na normalidade. Jurou nunca mais voltar àquele mundo aterrador vários quilómetros debaixo de Nova Iorque. No entanto, apesar de ser um rapaz com pouco mais de 11 anos, Gregor está destinado a grandes feitos. Uma nova profecia coloca-o no centro dos acontecimentos. Mais uma vez, os subterrestres precisam da sua ajuda. Cedo se apercebem de que só conseguirão arrastá-lo de volta à Subterra raptando Boots, a sua irmã mais nova. Gregor vê-se forçado a reencontrar Ares, o seu morcego, e Luxa, a princesa cheia de rebeldia. E assim partem juntos em busca de Bane, um gigantesco rato branco destinado a trazer o caos à Subterra.»

Ideal para: leitores jovens — e também adultos de qualquer idade, para que conste — que privilegiam a aventura com um misto de fantástico.

Anúncios

Nove livros adaptados a filmes a estrear em 2016 [Atualizado]

Para continuar a tradição, neste começo de ano aqui fica a lista dos livros infantis e juvenis adaptados ao cinema e cujas estreias estão marcadas para 2016. Desde histórias distópicas até ao regresso ao mágico mundo do universo de Harry Potter, opções não vão faltar, tanto para ver como para (re)ler.

Janeiro

cassie-910x400

A Quinta Vaga (14 de janeiro)

Baseado no best-seller de Rick Yancey, A Quinta Vaga conta-nos a história de uma nave extraterrestre que se «fixa na órbita da terra, à vista de todos mas sem estabelecer qualquer interação. Até que, subitamente, uma gigantesca onda eletromagnética desativa todos os sistemas da Terra, e todas as luzes, comunicações e máquinas deixam de funcionar. A esta primeira vaga seguem-se outras, num crescendo de violência que devasta grande parte da humanidade.» Publicado em Portugal pela Editorial Presença.

Março

allegiantp1_nws3

Convergente: Parte 1 (Março)

O último volume da trilogia best-seller de Veronica Roth chega-nos dividido em duas parte, com a primeira parte a estrear este ano e a segunda em 2017. De regresso estão Shailene Woodley, Theo James, Milles Teller, com nomes como Naomi Watts e Jeff Daniels a juntarem-se ao grupo. Editado em Portugal pela Porto Editora.

Abril

Jon-Favreaus-The-Jungle-Book-Concept-Art-

O Livro da Selva (Abril) [Atualizado]

A Disney continua a adaptar os seus clássicos animados a filmes em imagem real, e O Livro da Selva, baseado na obra de Rudyard Kipling, é o próximo a estrear. Realizado por Jon Favreau (Homem de Ferro, 2008), no filme participam atores como Lupita Nyong’o, Scarlett Johansson, Idris Elba e Bill Murray, que darão voz às personagens Raksha, Kaa, Shere Khan e Baloo, respetivamente. Em Portugal o livro encontra-se editado pela Edições Nelson de Matos e Booksmile.

Junho

alice-2banner

Alice do Outro Lado do Espelho (9 de junho)

Baseado na obra de Lewis Carroll, a Disney regressa ao mundo do País das Maravilhas, reimaginando a história do autor. De regresso estão Johnny Depp, Anne Hathaway, entre outros. A Relógio D’Água tem uma edição que reúne As Aventuras de Alice no País das Maravilhas e Alice do Outro Lado do Espelho num só volume.

Julho

12342778_1019602958081029_2674861364751634753_n

GGG: O Grande Gigante Gentil (Julho)

Steven Spielberg adapta a obra-prima de Roald Dahl, aguardado com grande expectativa. «O GGG é um gigante simpático e foforucho. Na verdade, é o único grande gigante gentil no País dos Gigantes. Todos os outros gigantes são brutamontes bestialmente brutos, e agora o GGG e a sua amiga Sofia têm de os impedir de devorar pequenos cereais humanos – com a ajuda de Sua Majestade, a Rainha de Inglaterra.» Publicado por cá pela Oficina do Livro.

tarzan_shot

A Lenda de Tarzan (Julho)

Tarzan dos Macacos, de Edgar Rice Burroughs, serve de base para este novo filme, que acompanha as aventuras de Tarzan já depois de este ter abandonado a selva. Realizado por David Yates, a personagem de Tarzan será interpretada por Alexander Skarsgård (True Blood). Existe uma edição do livro original em Portugal publicado pela editora Manuel Caldas.

Outubro

a-monster-calls-movie-cast

Sete Minutos Depois da Meia-Noite (Outubro)

Esta obra inspirada numa ideia original da escritora Siobhan Dowd, que morreu de cancro em 2007, e escrita por Patrick Ness, vencedora de inúmeros prémios, também está a ser adaptada ao cinema e contará com Felicity Jones, Liam Neeson e Sigourney Weaver nos principais papéis. Publicada em Portugal pela Editorial Presença.

Novembro

transferir

Monstros Fantásticos & Onde Encontrá-los (17 de novembro)

Regressamos ao universo Harry Potter, mas desta vez num tempo em que o rapazinho de óculos ainda não existia. O pequeno livro de J.K. Rowling é transformado numa nova trilogia, adaptada pela própria autora e realizada por David Yates, responsável pelos últimos filmes da saga Harry Potter. Esta nova aventura conta com atores de peso, como Eddie Redmayne (vencedor do Óscar de Melhor Ator em 2015), Ezra Miller e Colin Farrell. Editado por cá pela Editorial Presença.

Dezembro

11792165_10153491949883633_1099608705898020516_o

O Lar da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares (Dezembro)

A muito elogiada obra de Ransom Riggs chegará às salas de cinema no final do ano, num filme realizado por Tim Burton, com Samuel L. Jackson, Eva Green e Asa Butterfield nos principais papéis. «Uma terrível tragédia familiar leva Jacob, um jovem de dezasseis anos, a uma ilha remota na costa do País de Gales, onde vai encontrar as ruínas do lar para crianças peculiares, criado pela senhora Peregrine. Ao explorar os quartos e corredores abandonados, apercebe-se de que as crianças do lar eram mais do que apenas peculiares; podiam também ser perigosas. É possível que tenham sido mantidas enclausuradas numa ilha quase deserta por um bom motivo. E, por incrível que pareça, podem ainda estar vivas…» Editado em Portugal pela Contraponto.

As escolhas de Natal de… Cristina Dionísio

6f10eb57b7ef295746a5414ce12c6e7a

Para os que ainda não se decidiram o que oferecer aos miúdos que já não são assim não pequenos, seguem-se algumas ideias para presentes.

caderno_de_invencoes_leonardo_da_vinci-500x500

Leonardo da Vinci — Caderno de InvençõesJaspre Bark, David Hawcock , David Lawrence, Edicare

«Este livro é uma réplica autêntica e primorosa de algo que, se não existiu, devia ter existido… o caderno de apontamentos de Leonardo da Vinci.
O texto, as ilustrações e os engenhosos modelos tridimensionais foram desenhados a partir das suas próprias anotações e esboços. O cuidado posto nesta recriação vem dar vida às notáveis e muitas vezes proféticas invenções de Leonardo, captando o génio de um homem muito à frente do seu tempo.»

Especialmente vocacionado para aprendizes de cientistas, este Caderno de Invenções é uma verdadeira obra de arte com maravilhosas recriações e modelos pop up que farão os leitores abrirem a boca de espanto perante o génio da mente de Da Vinci.

  Quando Hitler Roubou o Coelho Cor-de-Rosa-1

Quando Hitler Roubou o Coelho Cor-de-rosa, de Judith Kerr, Booksmile

«Quando Hitler Roubou o Coelho Cor-de-rosa é uma das obras mais lidas por jovens de todo o mundo. Considerada um clássico da literatura juvenil, e inspirada na vida da própria autora, fala-nos da Segunda Guerra Mundial numa nova perspetiva e até com algum humor.
Vive-se o ano de 1933. Anna tem apenas nove anos e anda demasiado ocupada com a escola e com os amigos para reparar nos cartazes políticos espalhados pela cidade de Berlim com a suástica nazi e a fotografia de Adolf Hitler, o homem que muito em breve mudaria a face da Europa. Ser judeu, pensa ela, é apenas algo que somos porque os nossos pais e avós são judeus.
Mas um dia o pai dela desaparece inexplicavelmente. E, pouco tempo depois, ela e o irmão, Max, são levados pela mãe com todo o sigilo para fora da Alemanha, deixando para trás a sua casa, os amigos e os amados brinquedos. Reunida na Suíça, a família de Anna embarca numa aventura que vai durar anos.»

Depois de ter sido publicado pela primeira vez no nosso país em 1992 pela Editorial Caminho, Quando Hitler Roubou o Coelho Cor-de-rosa está de regresso às livrarias pela mão da Booksmile. Baseado na experiência da autora, que em 1933 teve de abandonar a Alemanha natal com a família para fugir para a Suíça, esta é uma obra que aborda uma das épocas mais negras da história da Humanidade através dos olhos límpidos e inocentes de uma criança que, como dezenas de milhares de outras nessa altura — e como tantas nos dias de hoje —, teve de abandonar o seu lar para escapar aos horrores da guerra.

estranhao

O Estranhão, de Álvaro Magalhães e Carlos J. Campos, Porto Editora

«Fred, o Estranhão, é um rapaz de 11 anos, com um Q.I. acima da média, que conta a sua estranha vida (a família, a escola, os amigos, os amores), com palavras e desenhos, enquanto reflete sobre tudo o que o rodeia.

O seu grande desafio é viver uma vida normal, sem sobressaltos, e chega a fingir que é estúpido para não ser incomodado pelos que fingem ser inteligentes. Mas isso não é tarefa fácil para um Estranhão. Pois não?»

Nesta série de livros — depois da apresentação no volume inicial já foram publicados mais três (Socorro, a minha mãe está avariada!, Uma mosca na sopa e Acordem-me quando isto acabar) — o herói é Fred, um rapazinho de onze anos com uma inteligência superior à média das pessoas à sua volta e que, um pouco como a Matilda de Roald Dahl, o torna estranho aos olhos dos outros. Mais do que estranhão, Fred é sobretudo um rapaz curioso que adora questionar o que está à sua volta, o que nem sempre é bem-visto pelos outros.

A Dupla Terrivel de Jory John

A Dupla Terrível, de Jory John, Matt Barnett e Kevin Cornell (ilust.), Planeta

«Miles Murphy é conhecido por uma coisa, e só por uma coisa: é o melhor pregador de partidas que a escola dele alguma vez viu.

Portanto, quando é forçado a mudar-se com a mãe para Vale do Bocejo (sítio também conhecido por uma coisa, e só por uma coisa: as vacas), acha, naturalmente, que irá ser o melhor pregador de partidas da sua nova escola.

Mas há um problemazito: é que esta escola já tem um pregador de partidas. E que é bom. MUITO bom. Miles vai ter MESMO de se superar para voltar a ser o rei das partidas… Preparem-se, porque vai começar uma guerra épica!

Miles não conhece ninguém e está apreensivo no primeiro dia de aulas, mas decidido a continuar a ser o maior pregador de partidas da escola nova, como sempre fora na antiga.

Mas eis que, logo à chegada, se depara com uma partida MUITO grande, já pronta e montada…e da qual se torna o principal suspeito aos olhos do Director! Quem será o concorrente da escola de Vale do Bocejo capaz de arquitectar uma partida daquelas?»

Se um mestre pregador de partidas já consegue dar muitas dores de cabeça aos adultos — e provocar monumentais ataques de riso aos jovens leitores —, imaginem então o que podem DOIS mestres pregadores de partidas fazer…

Bem, o melhor mesmo é ler, e chorar de tanto rir.

9789898491633

O Frigorífico da Magui, de Lois Brandt e Vinn Vogel (ilust.), Booksmile

«A Sofia e a Magui vivem no mesmo bairro, brincam no mesmo parque e andam na mesma escola. Mas, enquanto o frigorífico da casa da Sofia está cheio, o da casa da Magui está vazio — completamente vazio.

A Sofia descobre que a família da Magui não tem dinheiro, e que é por esse motivo que tem o frigorífico tão vazio. A Sofia quer muito ajudar a amiga, mas como prometeu não contar a ninguém, vê-se perante um dilema: manter a promessa que fez, ou contar à mãe que a Magui precisa de ajuda.

Uma história que aborda temas bem atuais, como a pobreza e a fome, com extrema sensibilidade, e que nos mostra como a força da amizade pode ajudar a superar os momentos mais difíceis.»

Abordando uma questão infelizmente bastante actual e bastante comum, O Frigorífico da Magui é uma lição de amizade e solidariedade, que se torna ainda mais pertinente numa época como a do Natal, em que o consumismo e o materialismo desenfreado deturpam por vezes os valores humanos mais elementares.

Novidades para a época natalícia

© Eleonora Della Gatta
© Eleonora Della Gatta

O Dia das Bruxas marca, cada vez mais, em Portugal, o começo da época natalícia. Por todo o lado arrancam as campanhas de Natal e as ruas, as lojas e os centros comerciais começam a decorar-se para a época.

E, claro, as editoras lançam as suas maiores apostas, a pensar nos presentes para os pequenos grandes leitores. E há muito por onde escolher! Para crianças de todos os tamanhos e gostos. Em cada livro há um presente perfeito para cada leitor. Aqui ficam algumas das novidades que estão a aparecer nas livrarias.

Infantil

mistura_as_cores

Mistura as Cores, Hervé Tullet, Editorial Presença

«Um livro original e interativo, que vai surpreender miúdos e graúdos! Basta seguir as ordens e ver a magia acontecer na página seguinte.
Um livro para tocar, agitar, sacudir e experimentar uma e outra vez.»

capadma_0

O Dicionário do Menino Andersen, Gonçalo M. Tavares e Madalena Matoso, Planeta Tangerina

«O menino Andersen era um grande inventor e não andava nada satisfeito com as definições de palavras que lia no dicionário. Por isso decidiu começar a escrever um dicionário novo, um dicionário que entusiasmasse os seus amigos.

Eis uma entrada da letra m:

MOSQUITO: animal que está mal sintonizado.

Gonçalo M. Tavares encontrou-se com Andersen, ainda menino, e criou um dicionário inesperado sobre as coisas (e as palavras) que existem à nossa volta.
Ao texto de Gonçalo M Tavares juntam-se as ilustrações de Madalena Matoso, num livro que vai entusiasmar leitores de todas as idades.»

IMG_0871

O Livro Sem Bonecos, B.J. Novak, Editorial Presença

«De uma simplicidade extrema e uma admirável imaginação, O Livro Sem Bonecos provoca o riso de cada vez que é aberto. As crianças irão pedir para ouvir uma e outra vez. O Livro Sem Bonecos proporciona uma experiência de muita alegria e partilha -incutindo nas crianças a poderosa ideia de que a palavra escrita pode ser uma interminável fonte de prazer e diversão.»

MeuIrmaoInvisivel

O Meu Irmão Invisível, Ana Pez, Orfeu Negro

«Escondido na sua caixa de cartão, o meu irmão passeia pelo mundo convencido de que é invisível. Não só é invisível como até consegue ver coisas que os outros não veem… Página a página, o meu irmão atravessa uma selva povoada de animais ferozes, parte em viagem pelo espaço e mergulha nas profundezas do oceano, nadando com peixes e sereias… UM LIVRO COM ÓCULOS MÁGICOS»

9789898491824

Pinta os Teus Medos, Leslie e Haia Ironside, Booksmile

«Nem sempre é fácil lidar com aquilo que nos preocupa. E quando somos crianças, as inquietações podem parecer inultrapassáveis e fazer-nos sentir muito sozinhos. Foi por isso que criámos este livro, recheado de atividades divertidas. Rabiscar e colorir estas páginas vai ajudar as crianças a perceber as suas preocupações, e a descobrir qual a melhor forma de lidar com elas. Assim estaremos a dizer-lhes: «Não estás sozinho com os teus medos.»
Criada por um psicoterapeuta infantil e juvenil e por uma professora do 1.º Ciclo, esta obra inclui ainda dicas úteis dirigidas a pais e educadores, para que também eles saibam que é possível afastar os medos com a ajuda dos lápis de cor!»

1507-1

Os Amigos do Elmer, David McKee, Nuvens de Letras

«A mensagem mais importante da série Elmer é a de que não faz mal ser diferente (o Elmer é um elefante colorido, ao contrário do comum dos elefantes) e pode até ser divertido. A diferença é importante e bela e deve ser aceite por todos.»

ANTES DEPOIS_capa-455x455

Antes, Depois, Anne-Margot Ramstein e Matthias Aregui, Gatafunho

«A magia do tempo em imagens!
Neste livro extraordinário e «astuto», objectos, acontecimentos, paisagens e seres são apresentados em pares (de face uns para os outros ou em páginas duplas subsequentes), revelando dois estados de algo ou de uma situação.
Sem texto, as ilustrações incitam o leitor a imaginar, pensar e compreender, e recontar a história destas mudanças de estado.»

O Gato da Matilde, Emily Gravett, Livros Horizonte

«No dia em que a Matilde se mascarou de gato e fez brincadeiras de todo o tipo, o seu animal de estimação, um gato malhado, arisco e bastante assustadiço, apenas disse: “Não.” Apesar dos melhores esforços da criança, Matilde é incapaz de convencer o seu gato a brincar com novelos de lã ou caixas, subir às árvores ou andar de bicicleta. Depois de uma “festa do chá”, de uma sessão de desenhos e uma história para adormecer, a menina decide despir o seu fato de gato e fica pronta para ir para a cama quando, finalmente, capta a atenção do gato malhado. A ilustração em aguarela marcadamente enérgica, é já uma imagem de marca da autora Emily Gravett, com muito humor visual e com personagens que expressam os seus sentimentos e a sua personalidade com enorme firmeza.»

Juvenil

chuva261015

Bicicleta à Chuva, Margarida Fonseca Santos, Booksmile

«Crescer é um desafio enorme. Mas às vezes é difícil decidir que caminho devemos seguir. A Escolha É Minha é uma coleção sobre as opções que tens de tomar todos os dias com histórias de vida contadas por jovens como tu. Esta história, Bicicleta à Chuva, podia bem ser a tua ou quem sabe a de alguém que conheces.
O Jaime carrega um enorme segredo: um grupo de rufias, os Alcaides, toma conta da sua vida de muitas maneiras, deixando–lhe o corpo e a mente com marcas difíceis de apagar.
O Valdomiro, o chefe dos Alcaides, luta para, de alguma forma, conseguir ser importante naquele bairro tão complicado.
Um dia, em frente à paragem do autocarro, o Jaime vê uma bicicleta antiga encostada ao muro de pedras, e desenha-a. Cai uma chuva miudinha, mas o dono da bicicleta, o Joaquim, não se incomoda com isso, e interessa-se por aquele desenhador.
Nasce assim uma amizade capaz de revolucionar a vida do Jaime e de muitos outros. Queres saber como? Então, vem daí!
Um livro tão comovente e emocionante que os mais novos não vão conseguir parar de ler!»

Capturar

Uma Criatura Feita de Mar, David Almond, Editorial Presença

«Um livro com histórias de rara beleza contadas por um escritor genial. São contos fascinantes, inspirados na infância do autor, que aqui nos apresenta um mundo povoado de fantasia e ilusão, de real e imaginário -um mundo que poderia ser o de qualquer um de nós e que cativa pela simplicidade, pelo amor e pela amizade que transparecem nas suas palavras. Cada história transmite valores éticos de que por vezes nos esquecemos. Uma viagem maravilhosa, da primeira à última página, para leitores de todas as idades.»

350_9789892333632_Toto_e_um_caso_perdido

Totó é um Caso Perdido, Franck Girard e Serge Bloch, Edições ASA

«Diverte-te com o TOTÓ, o Superzero-à-esquerda!

Esta coleção reúne várias piadas universais que os alunos contam uns aos outros no intervalo das aulas desde que a escola é escola, assim como algumas piadas inéditas, adaptadas e escritas propositadamente para o nosso “baldas” preferido.

Para ler e reler, sempre a rir.»

500_9789897413650_ggg_o_grande_gigante_gentil

GGG: O Grande Gigante Gentil, Roald Dahl, Oficina do Livro

«O GGG é um gigante simpático e foforucho. Na verdade, é o único grande gigante gentil no País dos Gigantes.
Todos os outros gigantes são brutamontes bestialmente brutos, e agora o GGG e a sua amiga Sofia têm de os impedir de devorar pequenos cereais humanos – com a ajuda de Sua Majestade, a Rainha de Inglaterra.»

 

image

A Terrível Tia Alberta, David Walliams, Porto Editora

«Do autor dos bestsellers Avozinha Gângster e Doutora Tiradentes, uma nova aventura de partir o bico a rir!

Tens uma tia malvada? Ela:
• obriga-te a comer sobremesas nojentas?
• tricota camisolas ásperas que dizem
ADORO A MINHA TIA à frente?
• dá-te beijos repenicados e belisca-te a bochecha com força?
Pois, por muito terrível que a tua tia seja, jamais
será capaz de superar a malvadez da Tia Alberta.
Não acreditas? Então, lê e descobre!»

K_os-bebes-de-agua

Os Bebés da Água, Charles Kingsley, Tinta da China

«Os Bebés da Água conta a história de Tom, um pequeno limpa-chaminés. Abusado e humilhado pelo patrão, após um mal-entendido numa casa senhorial foge e adormece junto ao rio, onde é transformado num ser até então desconhecido: um bebé da água. É o início de uma viagem fantástica e picaresca, num mundo subaquático que condena e subverte os princípios sociais da era vitoriana. Na Inglaterra do século XIX, a industrialização avançava rapidamente, assim como a brutalidade quotidiana sobre a emergente classe operária. É neste contexto que Charles Kingsley escreve Os Bebés da Água — a sua obra-prima —, uma fábula moral onde expõe as desigualdades e a irracionalidade do mundo dos adultos, denunciando o trabalho infantil e o obscurantismo religioso. Publicado originalmente em 1863, é um livro excêntrico e ousado que conjuga a redenção cristã com o evolucionismo e a crítica social.»

Jovem Adulto

fangirl

Fangirl, Rainbow Rowell, Chá das Cinco

«Cath ama os seus livros e a sua família. Haverá espaço para mais alguém?

Todo o mundo é fã dos livros de Simon Snow. Mas Cath vai mais longe: ser fã desses livros tornou-se a sua vida. Ela e a sua irmã gémea, Wren, refugiaram-se na obra de Simon Snow quando eram miúdas, e na verdade foi isso que as salvou da ruína emocional que foi a perda da mãe.
Ler. Reler. Interagir em fóruns, escrever ficção baseada na obra de Simon Snow, vestir-se como as personagens dos livros. Mas essas fantasias deixam de fazer sentido quando se cresce, e enquanto Wren facilmente abandona esse refúgio, Cath não consegue fazê-lo. Na verdade, nem quer.
Agora que vão para a universidade, Wren não quer ficar no mesmo quarto de Cath. E esta fica sozinha e fora da sua zona de conforto. Partilha o quarto com uma miúda arrogante; tem um professor que despreza os seus gostos; um colega atraente mas que apenas fala sobre a beleza das palavras… e, ainda por cima, Cath não consegue parar de se preocupar com o seu pai, tão querido, frágil e solitário.
A pergunta paira no ar: será que ela consegue triunfar sem que Wren lhe dê a mão? Estará preparada para viver a vida em seu nome? Escrever as suas próprias histórias? E se isso significar deixar Simon Snow para trás?»

trono

Trono de Vidro, Sarah J. Maas, Editorial Presença

«Depois de cumprir um ano de trabalhos forçados nas minas de sal de Endovier, a contas com os seus crimes, a assassina Celaena Sardothien é levada até à presença do prícipe herdeiro. Ele oferece-lhe a possibilidade de conquistar a sua liberdade, com uma condição: Celaena tem de aceitar representá-lo, como seu campeão, numa competição cujo vencedor terá o estatuto de novo assassino da Coroa.

Os oponentes que terá de defrontar são ladrões, assassinos e guerreiros vindos de todos os cantos do império. Cada um deles é patrocinado por um membro do Conselho do Rei. Celaena exulta com os desafios e com as sessões de treino ao lado do capitão da Guarda, Chaol Westfall. No entanto, a vida da Corte não a poderia entediar mais. Mas tudo fica mais interesante e ganha nova emoção quando o príncipe começa a demonstrar um inesperado interesse por ela… mas é o austero capitão Westfall quem melhor a consegue compreender.

Durante a competição, um dos concorrentes é encontrado morto… e logo outros se lhe seguem. Ao embrenhar-se numa investigação solitária, Celaena alcança descobertas surpreendentes. Conseguirá ela descobrir quem é o assassino antes de se tornar na próxima vítima?»

perigo)

Perigo Irresistível, Becca Fitzpatrick, Porto Editora

«Britt Pheiffer sonha há mais de um ano com umas férias repletas de aventura.

Treinou vários percursos pelas Montanhas Rochosas, comprou equipamento especial e até se sente confiante para levar consigo a melhor amiga, mais adepta de centros comerciais do que do ar puro das montanhas.

Poucas horas após o início da viagem, um nevão inesperado obriga-as a refugiarem-se numa cabana abandonada, aceitando a hospitalidade dos seus dois estranhos ocupantes: dois homens jovens, atraentes e… em fuga.

Feita refém, Britt é obrigada a guiá-los pela montanha e espera conseguir aguentar-se tempo suficiente até Calvin – o ex-namorado que ainda não conseguiu esquecer – poder encontrá-la.

Nada é o que parece nesta aventura nas paisagens inóspitas do Wyoming. Mason, um dos raptores, é estranhamente simpático para Britt. Já Shaun é claramente um homem perigoso.

Mas será Britt capaz de resistir à perigosa atração que Mason parece exercer sobre ela e, por fim, sobreviver?»

A coleção «Aventuras Fantásticas» está de volta!

Aventuras Fantásticas

A coleção de livros-jogos Aventuras Fantásticas (Fighting Fantasy, no original) fez as delícias dos leitores mais jovens, e, até, adultos, na década de 1980. Criada por Steve Jackson e Ian Livingstone, esta coleção misturava o conceito dos jogos de computador com o dos livros, em que o leitor era o herói e tinha o poder de decidir o caminho a percorrer. Os livros foram best-sellers, publicaram-se em mais de 22 países e tiveram num total de 59 volumes. Mas ao fim de treze anos, a série foi cancelada.

A coleção chegou a Portugal através da Editorial Verbo, em 1982, com a publicação do primeiro volume O Feiticeiro da Montanha de Fogo. Foram publicados, no total, 38 volumes, antes de ser descontinuada.

Agora a Verbo reedita a coleção com novas capas e novos volumes.

De regresso está O Feiticeiro da Montanha de Fogo, acompanhado por um volume inédito – O Guerreiro da Autoestrada. Serão lançados em outubro.

«Esta é uma coleção que te transporta para um mundo onde Tu és o Herói! És Tu quem vai decidir qual a direção a seguir, os riscos a correr e com quem lutar. Viver ou morrer é a consequência das decisões que tomares.»

FEITICEIRO DA MONTANHA DE FOGO - ALTA

«Nas entranhas das cavernas que existem sob a Montanha de Fogo encontra-se uma grande quantidade de riquezas guardadas por um Feiticeiro poderosíssimo. Muitos aventureiros já partiram para a grande montanha em busca desse grande e cobiçado tesouro. Mas infelizmente nenhum deles regressou. Achas-te capaz de ir em busca dessa riqueza tão bem protegida? Atreve-te a descobrir.»

GUERREIRO DA AUTOESTRADA - ALTA

«Em 2022, a população mundial foi virtualmente dizimada por um microrganismo letal. Tu és um dos poucos sobreviventes na cidade de New Hope. Fora das suas muralhas existem grupos de bárbaros sem lei que só matam e destroem.
Tens pela frente uma perigosa missão que é chegares a San Anglo e voltares com provisões que vos são vitais. Mesmo com algumas armas será que vais sobreviver? Atreve-te a descobrir.»

Leituras para as Férias Grandes de… Cristina Dionísio

Como leitora compulsiva e mãe de um pequeno leitor ávido e curioso, nas férias temos o hábito de andar com uma pequena biblioteca atrás de nós, que nos acompanha para todo o lado. Estes são alguns dos livros que nos irão acompanhar neste Verão.

 Um+atalho+no+tempo

Um Atalho no Tempo, de Madeline L’Engle (Oficina do Livro)

«Quando a história começa, as personagens principais, Meg Merry e o seu irmão mais novo, Charles Wallace, vivem com a mãe e os irmãos, Sandy e Dennys. Meg tem dificuldade em adaptar-se à escola e sente a falta do pai, um cientista, que desapareceu há mais de um ano enquanto efetuava uma experiência que envolvia viajar no tempo. Um ser estranho de outro mundo visita o lar dos Murry e fornece uma pista importante sobre o paradeiro do Sr. Murry. Meg, Charles Wallace e o amigo Calvin O’Keefe começam então uma viagem perigosa no tempo e no espaço para salvarem o Sr. Murry. São assistidos pelas estranhas visitas dos Murry, a Sra. Quéisso, a Sra. Quem e a Sra. Qual. As crianças veem-se em breve no centro de uma luta entre o bem e o mal, que ameaça destruir a liberdade e a individualidade. Pelo caminho, desenvolvem força, coragem e capacidades que não sabiam ter. Para Meg, em especial, a viagem é mais do que uma aventura ou uma missão para ajudar os outros: é também uma viagem de autodescoberta que muda as suas ideias sobre si própria e as pessoas que a rodeiam.»

9789897073458

A Casa dos Robots, James Patterson (Booksmile)

«Eu sou o Sammy. Sou um miúdo igual a tantos outros… exceto num pormenor: vivo numa casa CHEIA de ROBOTS!!! Por vezes até é divertido viver com robots: o SR. LIMPOPÓ mantém a nossa casa arrumada; o McBUSCA é o nosso cão-robot; o DRONE MALONE é um robot-helicóptero que faz os relatos do trânsito para uma estação de rádio; mas há muitos, muitos mais robots a viver cá em casa… E agora a minha mãe criou o E (já vos contei que é a minha mãe a responsável por todas estas invenções?), um robot muito irritante que se julga meu irmão e vai atrás de mim para todo o lado. Até para as aulas! Se eu antes já não era o miúdo mais popular da escola, imaginem agora! NÃO SEI COMO SAIR DESTA! Tens alguma ideia brilhante? Preciso mesmo de ajuda!»

Frank-Einstein-e-a-Bicicleta-Voadora-590x897

Frank Einstein e a Bicicleta Voadora, Jon Sciezka (Booksmile)

«O Frank Einstein é um miúdo genial, cientista e inventor. O Klink tem inteligência artificial. E o Klank tem quase inteligência artificial. Juntos vão tentar vencer o Prémio de Ciência com a sua invenção: uma bicicleta voadora com motor de antimatéria. Nada mais simples, basta usar os três estados da matéria: sólido, líquido e gasoso. Tudo parece ir no bom caminho até surgir T. Edison, arqui-inimigo de Frank. Ele é capaz de tudo para estragar os planos do nosso génio!»

 peixinho290515

O Meu Peixinho de Aquário Sabe Quem eu Sou?, Gemma Elwin Harris (Editorial Presença)

«Porque é que as zebras têm riscas? No futuro vai existir o teletransporte? Porque é que o meu pai nunca ganha o totoloto? Se por vezes fica desconcertado pelas perguntas típicas das crianças, este é o livro perfeito para si! Reunindo mais de 300 perguntas feitas por crianças que frequentam o primeiro ciclo do ensino básico, apresenta respostas sintéticas de especialistas de várias áreas de renome internacional. Depois do enorme sucesso de Grandes Perguntas de Gente Miúda com Respostas Simples de Gente Graúda, publicado em 2013, este novo volume inclui ainda vários testes, tornando-se um presente perfeito para ser partilhado por toda a família.»

enquantodormes
Enquanto Dormes — Coisas curiosas que acontecem, Steve Murrie e Mathew Murrie (Gradiva)

«Enquanto dormes, sucedem centenas de coisas curiosas e divertidas relacionadas com a Terra, o espaço, a tecnologia, os animais e a natureza em geral, a cultura popular, o desporto, o corpo humano e muito, muito mais. Leitura obrigatória para espíritos curiosos, jovens e menos jovens… Oito horas é o tempo suficiente para uma boa noite de sono. Mas, sabias que é também o tempo necessário para que a nave espacial New Horizons percorra 4,8 mil milhões de quilómetros? Ou para que um hipopótamo coma mais de 36 quilos de erva? Ou ainda para que 6 000 brasileiros construam a maior torre de Lego do mundo?
ENQUANTO DORMES tem centenas de factos espectaculares sobre a Terra, o espaço, a tecnologia, os animais, a natureza, o desporto, o corpo humano e muito mais!
O que acontece quando tens os olhos fechados?»

Os livros infantis e a evolução dos tempos

por Cristina Dionísio

Helen Day, uma entusiasta de uma coleção de livros de clássicos da Ladybird, tem estado a colocar no Twitter imagens comparativas das ilustrações desses livros, publicados nos anos 1960. Os posts têm feito tal sucesso que a sua conta já tem mais de cinco mil seguidores.

As imagens demonstram as atualizações progressivas que essas ilustrações têm recebido em reedições mais recentes, e em que se notam muitas diferenças, como por exemplo a inclusão de personagens de raças diversas, onde antes só havia personagens de raça branca, ou na roupa das meninas, que passam a usar calças de ganga em vez de saias, ou até mesmo ao nível de segurança, em que foi pintado um colete salva-vidas num rapaz navegando num barco de borracha.

Segundo a editora, estas alterações foram feitas para refletir a evolução dos tempos e permitir que os livros continuassem a ser lidos pelas crianças modernas, sem as alienar. O estereótipo da menina que brinca com bonecas e do rapaz que brinca com carros é quebrado, bem como o do pai que se mantém à distância enquanto os filhos brincam, ou da mãe que os observa da janela enquanto cozinha. As novas ilustrações demonstram que o pai está mais envolvido na educação dos seus rebentos. São mais fiéis também no retrato das brincadeiras das crianças, que degeneram frequentemente em confusão.

Aqui ficam alguns exemplos, mas em @LBFlyawayhome poderão ver muitos mais.

Poderá também ler dois artigos muito interessantes sobre este tema aqui e aqui.

ladybird5
(c) Ladybird Books Ltd.

 

ladybird4
(c) Ladybird Books Ltd.

 

ladybird2
(c) Ladybird Books Ltd.

 

ladybird6
(c) Ladybird Books Ltd.

As escolhas de Natal de… Cristina Dionísio

Aqui fica mais uma lista de recomendações de presentes para o Natal, desta vez para os leitores juvenis. As escolhas são de Cristina Dionísio.

GeorgeBigBang

George e o Big Bang, de Stephen Hawking e Lucy Hawking, Editorial Presença

Viaja pelo universo com George e descobre… Como conduzir um veículo lunar; O que fazer quando viajas até Andrómeda; E o que aconteceu meras frações de segundo após o Big Bang. Uma aventura trepidante, recheada de factos reais sobre o espaço e o cosmos, de Lucy Hawking e Stephen Hawking, génio da ciência intergaláctica!

Depois de A Chave Secreta para o Universo e Caça ao Tesouro no Espaço, Stephen Hawking, o mais importante físico da actualidade, em parceria com a sua filha Lucy, leva os pequenos leitores numa viagem através do Big Bang. Intercalando as aventuras de George e do seu porquinho, encontramos também ensaios científicos adaptados para uma linguagem acessível aos pequenos leitores curiosos. Contém ainda mais de 30 imagens a cores do espaço e do sistema solar.

 

Alice

As Aventuras de Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll, Robert Dunn (ilus.), Girassol

Esta edição do clássico de Lewis Carroll, que dispensa apresentações, conta com belíssimas ilustrações a cores da autoria de Robert Dunn.

 

oliver

Oliver e as Perucas do Mar, de Philip Reeve, Sarah McIntyre (ilust.), Zero a Oito

Os pais de Oliver desaparecem e, para os encontrar, o rapaz parte numa viagem cheia de emoção, acompanhado pelos seus novos amigos: um velho albatroz e uma sereia um bocadinho míope — ok, bastante míope. Se a isto juntarmos uma ilha amistosa, então a aventura é certa.

Com divertidas ilustrações de Sarah McIntyre, Oliver e as Perucas do Mar fará garantidamente as delícias de jovens aventureiros.

 

DesastresSofia

Os Desastres de Sofia, de Condessa de Ségur, Oficina do Livro

A Sofia acha que a sua boneca de cera está pálida e com frio. Por isso, põe-na ao sol e… ela derrete-se. Sofia chora, mas nem tudo está perdido porque ela se lembra de convidar as amigas para o divertido enterro da boneca! A Sofia quer brincar com os seus peixes vermelhos e… acaba por deixá-los morrer! E quando tenta ser uma menina bonita, faz um chá para os seus primos… com giz e água do cão. Fica de castigo! Mas a mãe tem razão: ela é uma menina boazinha, tudo isto não passa de uma série de peripécias que mais não são do que Os Desastres de Sofia.

Escrito no século XIX, este é um clássico da literatura infanto-juvenil que tem marcado sucessivas gerações. Todos nós crescemos com as histórias deliciosas da Condessa de Ségur, sendo esta a mais marcante de todas. Mais do que uma leitura para crianças traquinas e adolescentes, esta é também uma oportunidade de os pais se reencontrarem com uma parte da sua infância.

 

Capa As Miúdas de Gallagher

Se disser que te amo, vou ter de te matar (As miúdas de gallagher #1), de Ally Carter, Booksmile

«O Colégio Gallagher (para Raparigas Excecionais) parece, à primeira vista, uma escola típica, onde as adolescentes se  preocupam em combinar a cor da mala com o top que vão usar, e suspiram quando um professor giro lhes sorri. Isso até é verdade, mas o que o comum dos mortais desconhece é que nas suas malas levam câmaras ocultas e o tal professor giro dá aulas de Preparação para Missões Secretas. O Colégio garante que forma os maiores génios do país, mas na realidade é a melhor e mais conceituada escola de espias e agentes secretas.
Cammie Morgan (ou Camaleão, como gostam de lhe chamar) é uma das miúdas de Gallagher. Passou para o segundo ano do curso e pode dizer-se que é uma ótima aluna: é fluente em catorze línguas e capaz de matar um inimigo de sete maneiras diferentes (uma das quais apenas com esparguete cru). Mas ela é também uma adolescente. E no momento em que conhece um rapaz da cidade, que nunca poderá saber quem ela é na realidade, percebe que há questões para as quais o Colégio não a preparou.  Cammie está prestes a enfrentar a missão mais perigosa de sempre: apaixonar-se! Será que está preparada?»

Nesta escola, as Miúdas de Gallagher, de Ally Carter, lidam com os problemas de todas as adolescentes, e que servem de base a muita da literatura juvenil vocacionada para as raparigas: necessidade de aceitação, afirmação na escola… e rapazes, claro. No entanto, esta é uma escola especial: uma escola para agentes secretas e espias, que eleva as peripécias a um outro nível e que é uma autêntica lufada de ar fresco no meio das muitas séries que têm por pano de fundo a vida escolar.

Prateleira do fundo: «Capuchinho Vermelho em Manhattan»

por Cristina Dionísio

O Capuchinho Vermelho de Carmen Martín Gaite (1925-2000) é uma menina de dez anos chamada Sara Allen, que vive com os pais num desinteressante bloco de casas em Brooklyn. Com uma imaginação prodigiosa, vibra sempre que vai com a mãe visitar a avó, uma senhora excêntrica e vivaz que mora na bem mais interessante Manhattan, para lhe levarem a tarte de morango caseira da Sr.ª Allen, uma receita de família ultra-secreta, que consegue ser ainda mais deliciosa do que as da famosa cadeia de pastelarias Lobo Doce.

Conhecer Manhattan torna-se uma obsessão para a pequena Sara, que um dia se aventura a ir sozinha levar a tarte de morango da mãe a casa da avó, o que implica atravessar o Central Park. E é no Central Park que conhece Miss Lunatic, uma velha sem-abrigo com uma imaginação tão fértil quanto a sua e que vive no parque na companhia dos pombos.

E se Sara está obcecada com Manhattan, o Sr. Edgar Wolf, o dono da Lobo Doce, procura desesperadamente encontrar a receita de tarte de morango perfeita para poder comercializar nas suas pastelarias. Um dia, ao vaguear pelo Central Park, o Sr. Lobo — perdão, o Sr. Wolf — cruza-se com Sara e esta acaba por oferecer-lhe uma fatia da tarte de morango que vai levar à avó…

capuchinho

Publicado em Portugal pela Relógio d’Água em 1998, esta versão moderna do conto tradicional é uma obra deliciosamente terna e ao mesmo tempo divertida, escrita por um dos grandes nomes da literatura espanhola do século XX.

Artemis Fowl, o anti-herói

por Cristina Dionísio
slide-artemis-1
(c) Hyperion

Artemis Fowl Segundo é um rapaz de doze anos com uma inteligência prodigiosa, uma das mentes mais brilhantes do mundo, mas que há muito tomou a decisão de usar o seu poderoso intelecto para fins, digamos, pouco lícitos. Com a ajuda de Butler, o seu guarda-costas/amigo/parceiro no crime, os golpes de Artemis sucedem-se, até ao dia em que o seu pai desaparece e, com ele, toda a fortuna dos Fowl. Com a mãe em estado catatónico devido ao choque, Artemis decide lançar-se no mais arrojado golpe de que há memória: tendo descoberto a existência do Povo das Fadas, o jovem decide raptar uma fada para exigir um chorudo resgate em troca, pois é certo e sabido que as Fadas possuem ouro, muito ouro. Porém, não contava que o ser que capturou em Fowl Manor, a residência da sua família, era nada mais, nada menos, do que a capitã Holly Short, uma das mais reputadas e corajosas agentes da LEPrecon, a força encarregada de manter o equilíbrio entre os dois mundos, o das Fadas e dos Humanos — ou Criaturas da Lama, como as Fadas nos designam.

graphic-novel-af-com-3
Página da novela gráfica. Da Hyperion.

Eis o ponto de partida para uma série de oito livros repletos de ação — e três novelas gráficas — da autoria de Eoin Colfer. Misturando fantasia com tecnologia de ponta de altíssimo nível, internet com magia, nos vários volumes encontramos toda a espécie de criaturas mitológicas, desde fadas a gnomos, elfos, trolls, anões como Mulch Diggums, que além de desbocado e atrevido tem um grave problema de flatulência, goblins e centauros, como Foaly, o criador de armas altamente sofisticadas e responsável por todo o sistema informático e de vigilância do Povo das Fadas cujas capacidades fariam empalidecer de inveja o mais talentoso dos hackers, passando por pixies como a malévola e diabólica Opal Koboi, a sua némesis e arqui-inimiga, que está determinada em destruir o mundo das Fadas.

20091130192150!Butler_Haven
(c) Hyperion

Rompendo com o estereótipo do herói humilde, altruísta e com um tremendo défice de autoconfiança, na maior parte das vezes órfão e pobre que luta em nome do bem e em prol da humanidade, Colfer apresenta-nos um adolescente milionário, herdeiro de uma dinastia de criminosos, com um ego cuja dimensão nada fica a dever à do seu intelecto e que é, sobretudo, frio e calculista, mais próximo de um vilão ao estilo de Lex Luthor do que de um paladino da justiça. Inclusive a própria Holly Short, a sua «aminimiga», não corresponde de todo à ideia da fadazinha etérea e frágil — na verdade, aguerrida e armada até aos dentes com a sua Neutrino, parece mais uma Lara Croft do que uma Sininho. No entanto, por mais que tente passar a imagem de bad boy armado em adulto que só usa fato e gravata, na realidade Artemis tem mais de bom do que aquilo que deixa transparecer. E se as relações do jovem génio do crime com o Povo das Fadas começam com o pé esquerdo, para depois se tornarem aliados no combate à perigosa Opal, ao longo dos oito livros a amizade entre Artemis e Holly vai-se tornando cada vez mais sólida, transformando-os a ambos.

Depois de os dois primeiros volumes terem sido publicados pela Dom Quixote em 2002 e 2003, Artemis Fowl esteve vários anos ausente das livrarias portuguesas. Porém, com mais de 20 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, a Booksmile decidiu apostar na série, tendo já publicado os três primeiros volumes: Artemis Fowl, Artemis Fowl: Incidente no Árctico e Artemis Fowl: O Código Eterno.

9789897071287 9789896681647 9789896681586

 

 

 

 

Há muito que se fala numa adaptação cinematográfica das aventuras de Artemis, depois de a Disney ter adquirido os respetivos direitos. Ainda que seja um projeto em fase muito inicial e não haja nomes apontados (o nome de Cameron Diaz chegou a surgir em tempos para o papel de Holly Short), estou certa de que Asa Butterfield (A Invenção de Hugo) daria um Artemis Fowl perfeito.