Tag Archives: Coleções juvenis

A coleção «Aventuras Fantásticas» está de volta!

Aventuras Fantásticas

A coleção de livros-jogos Aventuras Fantásticas (Fighting Fantasy, no original) fez as delícias dos leitores mais jovens, e, até, adultos, na década de 1980. Criada por Steve Jackson e Ian Livingstone, esta coleção misturava o conceito dos jogos de computador com o dos livros, em que o leitor era o herói e tinha o poder de decidir o caminho a percorrer. Os livros foram best-sellers, publicaram-se em mais de 22 países e tiveram num total de 59 volumes. Mas ao fim de treze anos, a série foi cancelada.

A coleção chegou a Portugal através da Editorial Verbo, em 1982, com a publicação do primeiro volume O Feiticeiro da Montanha de Fogo. Foram publicados, no total, 38 volumes, antes de ser descontinuada.

Agora a Verbo reedita a coleção com novas capas e novos volumes.

De regresso está O Feiticeiro da Montanha de Fogo, acompanhado por um volume inédito – O Guerreiro da Autoestrada. Serão lançados em outubro.

«Esta é uma coleção que te transporta para um mundo onde Tu és o Herói! És Tu quem vai decidir qual a direção a seguir, os riscos a correr e com quem lutar. Viver ou morrer é a consequência das decisões que tomares.»

FEITICEIRO DA MONTANHA DE FOGO - ALTA

«Nas entranhas das cavernas que existem sob a Montanha de Fogo encontra-se uma grande quantidade de riquezas guardadas por um Feiticeiro poderosíssimo. Muitos aventureiros já partiram para a grande montanha em busca desse grande e cobiçado tesouro. Mas infelizmente nenhum deles regressou. Achas-te capaz de ir em busca dessa riqueza tão bem protegida? Atreve-te a descobrir.»

GUERREIRO DA AUTOESTRADA - ALTA

«Em 2022, a população mundial foi virtualmente dizimada por um microrganismo letal. Tu és um dos poucos sobreviventes na cidade de New Hope. Fora das suas muralhas existem grupos de bárbaros sem lei que só matam e destroem.
Tens pela frente uma perigosa missão que é chegares a San Anglo e voltares com provisões que vos são vitais. Mesmo com algumas armas será que vais sobreviver? Atreve-te a descobrir.»

Anúncios

Uma coleção para ajudar a «Crescer com Pinta»

por Catarina Araújo

A coleção Crescer com Pinta, da editora Arteplural, surgiu de uma ideia conjunta da equipa Mindkiddo – a equipa especialista em saúde infantojuvenil da Oficina de Psicologia –, como um projeto de ajuda para pais, professores, educadores e profissionais de saúde, centrado em diversos problemas comportamentais e psicológicos manifestados pelas crianças e com que os pais e educadores nem sempre estão inteiramente equipados para lidar.

fazeramigos

«O trabalho clínico diário com crianças e famílias e a formação adquirida continuamente na área permitiu perceber que existem algumas áreas com necessidade de ferramentas e estratégias para as crianças e os seus educadores.», conta-nos a coautora do primeiro volume É Tão Bom Fazer Amigos, Inês Afonso Marques. «Paralelamente, reconhecemos nos livros uma extraordinária ferramenta de comunicação e partilha para adultos e crianças. Sabemos que os livros ajudam as crianças num conjunto de dimensões, que para nós nos ajudaram a construir a coleção.»

Os pontos fundamentais relevantes para a construção do livro foram ajudar a criança a sentir-se compreendida e a tranquilizar-se, ao identificar-se com a história escrita no livro, o que lhe permite pensar que mais meninos sentem o mesmo, que não é a única; desenvolver uma forma lúdica para que as crianças pudessem aprender, consciencializar-se e desenvolver-se emocionalmente, proporcionando a interação entre a criança e quem explora com ela o livro, sejam os pais, os avós, os educadores.

O objetivo é que as crianças consigam desenvolver as suas competências sociais com a ajuda dos adultos que as acompanham.

Inês Afonso Marques faz, no entanto, uma ressalva: «É um livro que não é exclusivo para crianças tímidas; é para todas as crianças, uma vez que a tarefa de socialização e integração num grupo de pertença é essencial para o seu desenvolvimento e crescimento enquanto pessoa.»

«A vertente prática do livro, com exercícios, questões e pequenas estratégias e o boneco destacável que permite à criança treinar os exercícios, é uma característica bastante importante deste livro», explica-nos Inês, «uma vez que a criança sentir-se-á mais capaz na tarefa de socialização com os seus pares, não sendo a criança o problema, mas colocando-o fora de si, o que lhe dá a capacidade de lidar com maior facilidade com o mesmo».

O ilustrador Alexandre Esgaio, cuja formação original é em Psicologia, também aderiu logo ao projeto, e, no lançamento do primeiro livro, mencionou que tinha gostado particularmente de participar, porque lhe permitiu «voltar» à Psicologia, contou-nos a editora, Joana Neves.

duascasas

O segundo volume, Agora Tenho Duas Casas, centra-se no divórcio e já se encontra nas livrarias.

Quanto ao primeiro «foi bem recebido, apesar das dificuldades que este tipo de livros normalmente apresentam. São dirigidos a pais e educadores, mas são ao mesmo tempo livros infantis, ou seja, destinados a serem lidos pelas crianças, ainda que acompanhadas pelos pais.», revela Joana Neves.

Inês Afonso Marques confirma: «A receção ao livro tem sido bastante positiva, quer dos pais que nos procuram e que partilham as suas experiências, ou que retiram dúvidas sobre o tema do livro, como por técnicos, como dos psicólogos, educadores e professores, que o valorizam por ser um instrumento de trabalho, individual ou em grupo, bastante útil.»

A coleção será constituída ao todo por seis livros.

O lançamento de Agora Tenho Duas Casas está marcado para este sábado, dia 22 de novembro, às 16h30, na Livraria Bertrand do Picoas Plaza. Contará com a presença da autora, Lúcia Bragança Paulino, do ilustrador, Alexandre Esgaio, e será apresentado pela psicóloga Maria do Rosário Dias.

A nova coleção da Planeta Tangerina para os mais crescidos

A premiada editora Planeta Tangerina, lançou com O Caderno Vermelho da Rapariga Karateca, obra vencedora do Prémio Branquinho da Fonseca 2012 na modalidade juvenil, uma nova coleção para os leitores mais crescidos e a que deram o nome Dois Passos e Um Salto. Irmão Lobo, escrito por Carla Maia de Almeida e com ilustrações de António Jorge Gonçalves, foi o segundo livro editado nesta coleção. Com edições cuidadas e capas e conteúdos apelativos, como é característico da editora, este novo desafio parece prometedor.

O sítio da editora fica aqui.

karateca_0

lobo_capa

A coleção «Estrela do Mar» da Editorial Presença

«Estrela do Mar» é o nome de uma coleção juvenil da Editorial Presença. Desde que se estreou com Sexta-feira ou a Vida Selvagem, de Michel Tournier, e Olá! Está aí alguém?, de Jostein Gaarder, em 1998, que se propôs apresentar novos e bons autores, e ao mesmo tempo novas e boas histórias para o público leitor juvenil. Descobri-a com Harry Potter e a Pedra Filosofal e ainda adquiri muitos títulos. Foi assim que conheci Neil Gaiman, Philip Pullman, Ursula K. Le Guin, J.k. Rowling, e autores portugueses como Margarida Fonseca Santos, Luísa Fortes da Cunha, Bruno Matos. Posso ser suspeita porque também editei nesta coleção, mas o seu valor transcende qualquer orgulho próprio, porque era uma coleção com uma identidade própria (ou pelo menos era), com critério e era destinada exclusivamente a leitores juvenis. Além disso, era fácil de seguir, por se distinguir da profusão de livros que iam saindo, respeitando dimensões específicas, e por ter um tipo de ilustração na capa que se demarcava das outras (não que fosse muito apreciadora, mas o estilo de ilustração também adicionava algo à colecção). Nos últimos anos perdeu alguma personalidade, muito provavelmente por mudança de estratégia editorial, que levou a que se interrompesse durante um tempo a publicação de títulos naquela colecção.  Agora em 2013 parece ter recuperado e os títulos voltaram a sair para as livrarias ao ritmo de um por mês. Esperemos que continuem a apostar nesta colecção, que ainda vi nas casas de muitas pessoas amigas e conhecidas, com os livros organizados por séries ou fielmente dispostos por número de saída.

Imagem